Ahhhhhhhhh Lemanha!!!

“Das ist Jacke wie Hose”. Esta é uma expressão alemã que diz “não valeu nada”, ou algo como “seis por meia dúzia”. O resultado do PIB da Alemanha no último trimestre foi isso, simplesmente não valeu.
 
Observando as perspectivas para 2013, existe um obvio espaço para uma recuperação da potência germânica, porém o dado põe em xeque as ferrenhas premissas defendidas até recentemente sobre a questão da austeridade fiscal versus crescimento econômico.
 
Desde o agravamento da crise, a Alemanha tem agido como uma mãe severa contra os países banhados pelo Mediterrâneo, exigindo um comportamento fiscal exemplar, para que aí sim conseguissem receber a tão valiosa ajuda do bloco.
 
Todavia, ao não conseguir mais se beneficiar de uma desvalorização acelerada do Euro, a potência germânica falhou em entregar o crescimento e deixou de ser a locomotiva do bloco.
 
A Zona do Euro já não deve contar com a ajuda de boa parte de seus países e o desemprego e queda na produção da Espanha e da Itália já se traduziriam como um PIB ruim. Adicione agora um crescimento anual fraco da Alemanha, está desenhado um número “que não valeu nada”.
 
O projeto pan-germânico de dominação econômica, também conhecido como Zona do Euro tem falhas históricas e é um sistema que claramente beneficia àqueles com potencial econômico.
 
Ao unir países diferentes e tirar-lhes o poder de alterar suas relações de moedas, como no caso da Grécia, trava-se um dos principais instrumentos de política monetária disponível a um país no caso de uma crise.
 
Pior ainda, ao impor um comportamento fiscal germânico, o país se esquece das profundas diferenças culturais que permeiam a Europa e como isso mais do que nunca define como é versado o recurso público.
 
Ninguém deve tirar a razão da Alemanha ao querer que os países “entrem nos eixos”, mas a recusa em ajudar possui um monstruoso componente político (assim como os pedidos de ajuda) e força à situação que já citei anteriormente, de dar o remédio ao paciente, somente se ele melhorar.
 
Pois é, dona Alemanha, tá na hora de rever seus conceitos.

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Jason Vieira é o Editor-Chefe e Diretor Geral da MoneYou e executivo sênior da X-Infinity Invest. Com mais de 20 anos de mercado, já ocupou cargos de estrategista, CIO, economista-chefe e analista internacional em instituições como Apregoa.com, UpTrend Advisors, GRC Visão, KGP, CM Capital Markets, Sanwa Bank, CLSA, JP Morgan, Santander, entre outras. Economista formado pela Universidade Mackenzie, possui diversas extensões de mercado financeiro e economia, com forte foco internacional.
advert

Comentários trancados.

Semanal de Economia e Mercados – Weekly Call – 08/05/2017

Semanal de Economia e Mercados – Weekly Call – 27/03/2017

CALENDÁRIO ECONÔMICO SEMANAL

Agenda Econômica Semanal Infinity – 08 – 12 / Maio

Abertura de Mercados – Morning Call – 05/05/2017

Abertura de Mercados – Morning Call – 24/03/2016

VERSÃO PDF

Abertura de Mercados – Morning Call – 04/05/2017

Abertura de Mercados – Morning Call – 24/03/2016

VERSÃO PDF

Abertura de Mercados – Morning Call – 03/05/2017

Abertura de Mercados – Morning Call – 24/03/2016

VERSÃO PDF

Ranking Mundial de Juros Reais – Abril 2017

Ranking de Juros

Este é o ranking mundial de juros reais, uma compilação com os 40 países mais relevantes do mercado de renda […]