Ibovespa aos 70.000 pontos

Lula lançamento IPO petrobrás Lula lançamento IPO petrobrás

Agora que tenho sua atenção, vamos discutir a realidade. Já citei efusivamente  (1,2,3,4,5aqui os motivos pelos quais a Bovespa anda em passos de siri e o porquê da manutenção neste estado e agora vamos adicionar alguns elementos a esta receita.

Mesmo com o recente ânimo pela pseudorreação do Ibovespa, estamos profundamente longe dos melhores momentos deste ano. Sim, deste ano, pois uma reação do mercado ao final do ano passado levou o índice aos meros 63.311 pontos e nada mais.

Desde então, nos aproximamos do fundo do poço dos 52.500 pontos recentemente e passamos pelo repique atual, totalmente explicado em termos gráficos.

Todavia, onde estão os tais 70.000 pontos? Simplesmente não estão e essa é a decepção do cenário. Em um ano, a perda ultrapassa os 10%, com piora significativa no acumulado de 2013. As empresas do grupo EBX continuam a influenciar o índice, seja para o bem ou para o mal.

A OGX, principalmente, vale um nono do seu valor no mesmo período do ano passado e notícias desencontradas de ajuda do governo, possível necessidade de um sócio para cumprir com as obrigações e um grande número de operações vendidas das ações tem arrastado o papel para uma faixa que mal consegue romper os R$ 2,00.

Analisando o aspecto macroeconômico, continuamos a “eterna luta com os galhos”. O governo agora faz uma nova contabilidade mágica, onde inclui em suas expectativas de receitas e gastos uma série de recursos que dependem de um cenário de crescimento econômico que nem mesmo o ele tem tido fé.

A alta recente da indústria, após o revés do penúltimo indicador muito negativo demonstra a realidade de um desaquecimento ainda em voga e como estamos passados de um terço do ano, as perspectivas para 2013 continuam fracas, ou seja, atingirão em cheio o PIB.

As exportações seguem na mesma linha, com as vendas externas em franca descompressão, em partes devido à ainda frágil situação na Europa e a um processo de reindustrialização de alguns países chave no mundo, principalmente os EUA.

Isso é outra questão importante que tende a afetar os países como o Brasil, os quais em partes falharão em entregar um crescimento digno do crachá de “emergente”. A crise de 2008 expos uma série de problemas antes deixados de lado no mundo, como a regulação do sistema financeiro em diversos países, o peso do custo dos sindicatos e uma quebra na até então interdependência da globalização.

No cenário corporativo, o símbolo mais emblemático foi a General Motors. Os sindicatos nos EUA simplesmente se recusaram a quaisquer acordos que pudessem significar a perda de ganhos trabalhistas durante os últimos anos. O problema é que a GM estava tão benéfica aos seus trabalhadores que o seu sistema previdenciário necessitava de um trabalhador contribuindo para sustentar um aposentado.

A série de benefícios também era incomparável a qualquer outra empresa e tornou a situação insustentável num momento em que a economia não contribuiu para o fluxo de caixa e os rendimentos no momento sequer pagavam a folha, quanto menos os benefícios.

A falta de acordo quebrou a empresa e o sindicato metaforicamente repetiu uma frase do Chaves “Prefiro morrer a perder a vida”, ou seja, prefere a empresa quebrada a perder as conquistas sindicais. A Hostess, fabricante de diversos doces, entre eles o Twinkie, que tem seu equivalente brasileiro ao “Ana Maria” quebrou exatamente neste sentido.

Nenhuma negociação sindical funcionou e mesmo perdendo TUDO, o sindicato levou em diante a quebra da empresa. Qual o sentido? Nenhum, pois sem empresa, não existem empregos, benefícios ou planos de aposentadoria.

Mas isso teve outro lado. O enfraquecimento sindical reduziu os custos para o retorno das linhas de montagem aos EUA. Obviamente, um trabalhador americano não vai custar o mesmo que um chinês, porém se incluirmos os custos de frete, o crescimento do número de vantagens dadas pelos estados para reativação de plantas e o acrescimento de mais um consumidor na engrenagem econômica, o custo de produção local pode se tornar interessante.

A conta atual é a seguinte: se montar nos EUA me acrescer em custo até 20%, vale a pena. Com isso, alguns estados tem reaquecido o emprego de manufatura e o resultado se mostra mais claro no payroll, o qual deixou de mostrar números negativos nesta área há alguns meses seguidos.

E o que isso tudo tem a ver com os 70.000 pontos do Ibovespa? TUDO, pois as bolsas de valores são compostas por empresas que dependem diretamente do crescimento econômico e para o Brasil a situação não parece muito boa e tende a piorar, caso o cenário acima se concretize com mais força.

Sou o chato da reforma tributária e repito, sem uma séria neste país, continuaremos a lutar contra um inimigo oculto nas inflações, no câmbio, nos incentivos pontuais de perdas de receita do governo, na crise internacional e deixaremos de ver que temos um sério problema de desmando com recursos públicos e de baixa competitividade no setor privado.

E você aí comemorando a vitória do seu time ontem, ou chorando pela derrota, hein!!!

 

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Jason Vieira é o Editor-Chefe e Diretor Geral da MoneYou e executivo sênior da X-Infinity Invest. Com mais de 20 anos de mercado, já ocupou cargos de estrategista, CIO, economista-chefe e analista internacional em instituições como Apregoa.com, UpTrend Advisors, GRC Visão, KGP, CM Capital Markets, Sanwa Bank, CLSA, JP Morgan, Santander, entre outras. Economista formado pela Universidade Mackenzie, possui diversas extensões de mercado financeiro e economia, com forte foco internacional.
advert

Comentários trancados.

NOVO Ranking Mundial de Juros Reais – Setembro 2017

Ranking de Juros

Este é o ranking mundial de juros reais, uma compilação com os 40 países mais relevantes do mercado de renda […]

Abertura de Mercados – Morning Call – 08/08/2017

Abertura de Mercados – Morning Call – 24/03/2016

VERSÃO PDF

Semanal de Economia e Mercados – Weekly Call – 07/08/2017

Semanal de Economia e Mercados – Weekly Call – 27/03/2017

CALENDÁRIO ECONÔMICO SEMANAL

Agenda Econômica Semanal Infinity – 07 – 11 / Agosto

NOVO Ranking Mundial de Juros Reais – Julho 2017

Ranking de Juros

Este é o ranking mundial de juros reais, uma compilação com os 40 países mais relevantes do mercado de renda […]

NOVO Ranking Mundial de Juros Reais – Maio 2017

Ranking de Juros

Este é o ranking mundial de juros reais, uma compilação com os 40 países mais relevantes do mercado de renda […]