O PIB zinho e o IPCA zão

 

O IPCA fecha este ano aos 5,84%, perto do topo da meta estabelecida pelo Conselho Monetário Nacional (CMN). Muitos se perguntam, e daí? Devemos nos preocupar?

Advogo há muito tempo que as metas de inflação são incompatíveis com as projeções de crescimento econômico e que um PIB mais robusto demandaria uma política monetária menos restritiva.

O segundo ponto está aí. Nunca estivemos sob juros tão baixos, porém eles não são os solos culpados desta inflação e sim a renda. Vivemos um ano de crescimento medíocre, atividade econômica estacionária e contração em diversos setores da indústria.

Mesmo assim não deslanchamos, pois ao reduzirmos os juros, observamos que as grandes mazelas da economia brasileira continuam em voga e com força, o que faz do crescimento uma irrealidade.

Impostos, lucratividade, matriz de custos, tudo isso e muito mais contribuem para que não cheguemos nem perto dos recentes 7% aa de PIB.

Mesmo assim, o emprego e a renda continuam em alta, o que contribui para o crescimento da inflação em despesas pessoais, relativamente insensíveis às taxas de juros; alimentação e bebidas, com baixíssimo nível de sensibilidade aos juros; e transportes.

Sim, podemos crescer com mais inflação, mas precisamos CRESCER. O Banco Central já opera atualmente sem o pavor inflacionário que permeou as administrações anteriores, mas há a possibilidade concreta de reversão deste patamar de juros, mesmo que a inflação não tenha sido elevada por ele.

O cenário fica realmente estranho quando comparamos alguns dados. A Venezuela, per se um caso a parte cresceu 5,2% até o terceiro trimestre e fecha o ano com inflação de 18%; a Rússia tem uma inflação relativamente próxima à nossa, porém com crescimento até o terceiro trimestre de 2,9%.

A China fecha o ano com inflação de 2,5% e crescimento de 7,4% no terceiro trimestre; a Índia terá inflação de 7,24% com crescimento de 5,3% no terceiro trimestre e; os EUA devem fechar o ano próximo aos 2%, com crescimento de 3,1% no terceiro trimestre.

Estes dados demonstram o qual díspar é a relação de inflação com crescimento no mundo, mas também demonstra que estamos numa ponta perdedora com o PIB que devemos apresentar este ano vis-à-vis à inflação que teremos.

Ou seja, nosso problema deixou de ser a inflação faz tempo e agora é o crescimento econômico. E para o PIB não adiantam manobras mirabolantes ou contabilidade criativa, como aconteceu no passado e com outros dados do governo. Simplesmente não cresceremos e PONTO.

Dilma recentemente tem citado a questão dos impostos e se medirmos pelo passado recente (poupança, juros e elétricas), é possível que algo concreto ocorra nas mãos da presidente que tem feito tudo que seu antecessor não fez, talvez para “evitar a fadiga” como diria Jaiminho.

Agora é aguardar e rezar que mr. Butters se paute na realidade para trazer novas soluções para a economia brasileira.

Dilma e Mantega – Novaes

Tags: , , , , , , , , , ,

Jason Vieira é o Editor-Chefe e Diretor Geral da MoneYou e executivo sênior da X-Infinity Invest. Com mais de 20 anos de mercado, já ocupou cargos de estrategista, CIO, economista-chefe e analista internacional em instituições como Apregoa.com, UpTrend Advisors, GRC Visão, KGP, CM Capital Markets, Sanwa Bank, CLSA, JP Morgan, Santander, entre outras. Economista formado pela Universidade Mackenzie, possui diversas extensões de mercado financeiro e economia, com forte foco internacional.
advert

Comentários trancados.

Abertura de Mercados – Morning Call – 08/08/2017

Abertura de Mercados – Morning Call – 24/03/2016

VERSÃO PDF

Semanal de Economia e Mercados – Weekly Call – 07/08/2017

Semanal de Economia e Mercados – Weekly Call – 27/03/2017

CALENDÁRIO ECONÔMICO SEMANAL

Agenda Econômica Semanal Infinity – 07 – 11 / Agosto

NOVO Ranking Mundial de Juros Reais – Julho 2017

Ranking de Juros

Este é o ranking mundial de juros reais, uma compilação com os 40 países mais relevantes do mercado de renda […]

NOVO Ranking Mundial de Juros Reais – Maio 2017

Ranking de Juros

Este é o ranking mundial de juros reais, uma compilação com os 40 países mais relevantes do mercado de renda […]

Semanal de Economia e Mercados – Weekly Call – 08/05/2017

Semanal de Economia e Mercados – Weekly Call – 27/03/2017

CALENDÁRIO ECONÔMICO SEMANAL